segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Tá bem,... eu vou!

Boas!

Não era para ir... mas estenderam-me a passadeira vermelha e acabei de me inscrever na Meia Maratona EDP, em 22 de Março de 2015, a tal da Ponte 25 de Abril!

Foi com esta prova que me estreei nas "Meias" e esta será a minha 4ª Meia Maratona.
Nas primeiras três "aventuras" registei:
Meia EDP 2013 - 1:48
Meia Descobrimentos 2013 - 1:34
Meia Almada 2014 - 1:40

Vamos ver como vai correr esta... entretanto há-que treinar!

Hasta

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

O que é que se treina aqui?



Boas!

Sem grandes objectivos para esta altura do ano, continuo na senda da corrida durante a semana e  da voltinha de BTT ao Domingo.  Já faço isto há três semanas e vou notando que o trem superior andava um bocado esquecido.  A bicicleta todo-o-terreno obriga a trabalhar outros músculos das pernas e  tronco, mas a grande diferença é nos braços, que andavam de férias!


E assim, entre Licores Beirões e outras espiritualidades, treinou-se aqui na última semana:

Corrida:
3ª feira - 5 km em 26:38, para recuperar as pernas da volta ciclística até ao Espichel do último domingo. As pernas estavam um pouco presas no início, mas depois lá se foram soltando. Isto de conciliar a bicicleta e a corrida traz benefícios cardio-respiratórios, mas custa bastante no início ao nível dos músculos das pernas, que não estão habituados a esta alternância!

4ª feira - Insistência na corrida sem descansar do dia anterior, com 9,2 km percorridos em 49:38.

6ª feira -  9,4 km em 46:05. Sentia-me bem e sabia que sem forçar iria fazer um treino melhor que o da 4ª feira e com um ritmo abaixo dos 5 min/km. Foi o que aconteceu...

Bicicleta:
Domingo - Saí tarde de casa, já eram 11h30, para uma voltinha higiénica (daquelas que servem para tomar banho e abrir o apetite), num percurso misto de estrada e alguns trilhos. Depois da chuva de Sábado à noite, formaram-se alguns charcos e o terreno estava empapado. 16 km em cerca de 1h15.

Hasta
 

domingo, 11 de janeiro de 2015

Treino de bike até ao Espichel.


Hoje foi dia de bike!

Já na semana passada andei a rolar para ganhar algum andamento, e hoje acompanhei alguns elementos da Santa Malta numa tirada até ao Cabo Espichel.
Foram 57 km, em ritmo TGV, que esta malta "madura" não facilita! Lá me aguentei na cauda do pelotão, e não foi assim tão mau como eu julgava que ia ser.
No Espichel houve a bifana da ordem, e a concentração de motards habitual!
Nas próximas semanas, o mote vai ser este, com corrida durante a semana e bike aos fins de semana, para aumentar a resistência!
Ah... pus de parte a minha participação no Duatlo do Jamor. Aumentaram o preço para "não licenciados" na federação para quase o dobro, 20 euros, que me recuso a pagar!


Hasta

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Treino confortável ao frio!

Boas!

Desde que pratico actividades desportivas, ou seja, desde que me lembro, que me habituei a receber comentários sobre as condições em que o iria fazer!

Cronologicamente:
Ia correr à chuva..." Vais correr? Mas está a chover!"
Ia surfar com frio... " Vais fazer surf com este frio?! Vais-te constipar!"
Ia à natação com frio... "Quando saíres agasalha-te bem!"
Ia pedalar com frio e chuva... " Vais andar de bicicleta com este tempo?"
Durante anos foi assim! Alguns comentários incluíam termos como maluco, doido, viciado ou parvoíce!

Neste regresso à corrida, novamente vem à baila o correr com frio..."Vais correr com este frio?"
- Sim vou, levo um gorro e umas luvas!

E ontem foi com este comentário que disse "Até já" e fui enfrentar os 2 ou 3 graus que estavam na minha zona, com um nevoeiro descomunal, para um treino de 45 minutos. É disto é que eu gosto, faz-me sentir vivo e a desfrutar das adversidades que a natureza nos oferece.
Apesar desta mania de ser super-herói, preciso de uma ajudinha extra, tal com umas luvas e um gorro :)
Ontem estreei estas luvas da Kalenji, que são bastante boas para combater as condições de frio e humidade como as do dia de ontem!
Cheguei ao fim do treino como se não houvesse frio, com as mãos quentes! Até experimentei tirá-las para sentir a diferença, que era brutal, pois parecia que estava a meter as mãos no congelador!


Com a capa montada e desenho refletor:


Sem a capa, que dá para recolher num compartimento junto do pulso:


Recomendo!

Hasta

domingo, 4 de janeiro de 2015

Ano novo vida nova.. ou mais do mesmo!


Com o falhanço no ataque ao recorde pessoal dos 10 km na São Silvestre de Lisboa, devido a uma malvada gripe, há-que arrepiar caminho e não parar!
Próximo objetivo - Duatlo Porterra do Jamor, no dia 24 de Janeiro- 5 km corrida + 14 BTT + 2,5 km corrida.

Para tal demanda, comecei a praticar a pedalada, para não me ir abaixo nas canetas no dia da prova. Foram só 32 km rolantes, mas foi um bom teste!

Hasta

No Natal fui ao baú!

Boas! Um Natal passado na casa dos pais dá nisto... um visita ao acervo fotográfico e uns achados inesperados! No meio dos álbuns de fot...