domingo, 27 de outubro de 2013

Corrida do Montepio - 27 Outubro de 2013



Mais uma manhã bem passada, na companhia dos corre@correr e na participação na 1ª Corrida Montepio.
Voltar àquele lugar, em Belém, fez-me lembrar da minha primeira e única Meia-Maratona em Março deste ano. Sabendo que daqui a pouco mais de um mês irei ali voltar a percorrer a distância, esta corrida teve um sabor especial, recordando essa prova e foi como que se se tratasse de um estágio de preparação para o dia 8 de Dezembro. Recordações boas e outras menos boas, de esforço e sofrimento. Digamos que foi "agridoce" e acho que é isso que nos faz andar nesta vida de corridas... para confirmar o sabor, que nos deixa confusos :) 

A prova em si, decorreu num cenário que já começo a ficar demasiado habituado... pois já ali participei em diversas provas. A paisagem já me começa a desagradar um pouco e no final fica uma sensação de rotina. É sempre a direito e por alcatrão...
Mas...ninguém me obrigou... fui porque quis! :)

Em relação à minha prestação na corrida, foi que a eu esperava, conseguindo cumprir com o tempo a que me tinha proposto, embora acabasse em esforço os últimos dois kms, sinal da ainda pouca preparação. Sabendo que esta foi a primeira prova da época e apenas com duas semanas e meia de preparação, conseguir ficar a menos de um minuto do meu recorde pessoal na distância, deixa boas indicações para o resto da época.  Fiz 44:42 min

Os corre@correr também bateram recordes o que é sempre motivo de alegria no grupo. Estamos a evoluir rapaziada!
Um especial agradecimento ao Ricardo, que chegando bem classificado, foi buscar uns Pastéis de Belém antes de toda a gente chegar! Souberam mesmo bem, ainda quentinhos! Boa Ricardo!
Outro agradecimento ao Carlos Lopes, pela foto de grupo!

Ficam os tempos:


 

Class -  Dorsal  -  Nome -  Tempo5km - Tempo oficial - Tempo chip - Class Chip - Class Escalão

 

86º - 2377 Ricardo Ferreira 00:19:52 - 00:39:31 -  00:39:15 -  87 corre@correr Veterano 1 22º
376º - 2482 Luis Estêvão 00:22:57- 00:45:00 - 00:44:42  -420  corre@correr Veterano 3 42º
941º - 2564 Hugo Ratinho 00:25:57 -  00:49:55  - 00:48:45  - 907 corre@correr Senior 278º

 
1457º - 1294 Nuno Simões 00:26:54  - 00:53:27 - 00:52:16  - 1451 corre@correr Veterano 1 307º
1708º - 8528 Nuno Almeida 00:28:12 - 00:55:14  - 00:54:04  - 1713 Veterano 6 69º
1709º -1229 Carlos Lopes 00:28:13  - 00:55:14 -  00:54:04  - 1711 corre@correr Veterano 6 70º
2898º - 2527 Nuno Jacinto 00:32:38 -  01:05:46  - 01:04:35  - 2916 Veterano 2 456º

Classificações da Prova

Agora... venha o Monge!
Hasta


 

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Meia hora abaixo dos 5 min/km

Já tinha deixado de relatar o treino a treino há algum tempo aqui no meu blog/diário..., mas fiquei tão contente com a minha prestação de hoje que não resisti em vir aqui partilhar...

Saí de casa para fazer 6 ou 7 km nas calmas, assim mandava o plano de treinos, mas nos primeiros metros de corrida decidi alterar tudo e realizar um treino rápido nessa distância, antes da prova do Montepio, no domingo. Na gíria... deu-me um vaipe!
"- É isso, vai rápido pá! Tens de treinar a rapidez antes da prova, pois começaste o plano de treinos mais tarde! Adapta-te e manda-te para menos de 5' ao km! Na 5ª feira rolas 1 hora nas calmas..."

Como a prova do Montepio irá ser encarada como um treino rápido, não há grande pressão para o que vier dali a conseguir... embora tenha o desejo secreto (já não é) de fazer um tempo perto dos 45 minutos, o que para primeira prova da época nessa distância, seria aceitável. Por isso, não vou alterar o plano e abrandar na última semana antes de uma prova, visto esta ser para treinar.

Como me sentia bem, fui acelerando pouco a pouco, km a km, e devo ter acabado com um ritmo perto dos 4'30''. O correr à noite estimula-me bastante...  e com este tempo fresco então, ui ui! Sentia-me mesmo bem. Só o bom senso me impedia de me lançar mais ainda!

No final, o cronómetro marcava 31:06 minutos para uma distância de 6.4 km - média de 4'52''.
A acabar, depois de parar o cronómetro, ainda corri 500 metros a trote, para descontrair.
Já estava com saudades de um treino destes!

Hasta!


segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Passeio dos 10 anos a pedalar da Santa Malta - 6 de Outubro de 2013




Boas!

Ontem foi dia de BTT, para festejar o 10º aniversário a pedalar da Santa Malta.

Este grupo, que sai aos Domingos de Santa Marta do Pinhal - Corroios, e percorre os trilhos da Margem sul, já pedala em conjunto há mais de 10 anos e adopta o mês de Outubro para comemorar o seu aniversário, pois foi em Outubro de 2003 que o primeiro passeio oficial se realizou. Foi num passeio até à mata do Monsanto em Lisboa e que foi divulgado por via do extinto PortalBtt.com que toda esta aventura semanal começou. Nesse dia apareceram alguns dos membros mais antigos do grupo, vulgo dinossauros, e por essa razão meteu-se um pionés nessa data! Antes disso éramos três ou quatro que dávamos umas voltas aos Domingos.

Este é um grupo especial, pois o ambiente é quase familiar, dada a cumplicidade entre muitos dos companheiros que o integram. Quando a malta está toda junta é quase mágico e é garantido que irá ser um bocado bem passado.

E ontem foi assim, quase todos responderam ao desafio de participar neste passeio comemorativo e compareceram à chamada. Todos e mais alguns, pois apareceram membros novos, que aumentaram ainda mais o pelotão. Devido ao pelotão numeroso o passeio decorreu com algumas paragens de reagrupamento, que a malta aproveita para fazer a tradicional reunião de tupperware e mandar bocas uns aos outros.  Houve uma queda aparatosa de um companheiro novo, da qual resultou um abandono e uma ida ao hospital... esperemos que não seja nada de grave! As melhoras!
Em relação ao percurso, percorreram-se os trilhos habituais e mais alguns novos pela Margem Sul, com paragem para abastecimento e hidratação na Caparica!

Fica o registo da volta, que ainda me rendeu 64 kms, o que foi um bom treino!




Próximo objectivo - Corrida do Montepio! (tenho de começar a correr...)

Hasta

Relato do Corre Jamor 2019

E foi assim o Corre Jamor: Depois de chegar ao Jamor, levantar o dorsal e encontrar a lebre (Moreira), aproximava-se a hora da prova. A m...