sábado, 31 de maio de 2014

Meia Maratona da Areia - prova dos 10 kms

Mini-rescaldo da prova:

Prova dura... a areia na maré vazia não é tão dura como parece... e haviam umas poças!
5 km para lá a favor do vento e 5 km para cá contra o vento e com a areia já mais pisada criaram algumas dificuldades... pois a malta escolhia toda o mesmo percurso!

  • Consegui ficar em 7 º lugar, entre 89 participantes
  • O Ricardo subiu ao pódio conseguindo o 3ª lugar! Boa Ricardo!
  • Ganhei o escalão M45 :)
  • 10 km percorridos em cerca de 47:28 minutos
Classificações
Hasta

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Impulso de última hora - correr na areia!

Espicaçado pela lebre do grupo, o Ricardo, fui resistindo, resistindo, resistindo a inscrever-me... mas lá acabei por ceder e me inscrever na prova "Meia Maratona da Areia - Costa da Caparica, a 31 de Maio" na versão 10 000 metros, mesmo no último dia de inscrições, hoje!

O principal motivo da resistência era o facto de não andar a treinar muito forte devido a estar a recuperar de gripes e lesões, mas ontem fiz um bom treino de séries de 1000 metros, que contribuiu para me entusiasmar para esta prova.

E assim... parafraseando o John Cleese: "And now for something completely different!": Prova na Areia!

Depois conto como foi! ;)

Hasta
 

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Matar saudades da bina! 18 de Maio 2014


Antes de mais e em relação ao treino de 6ª feira, foi um bom treino e senti-me bem! Senti até que poderia fazer mais repetições mas não quis abusar. Os últimos 3 km de "recobro" custam um bocadinho no início, pois é um treino non-stop, mas depois acaba por normalizar a respiração e o batimento cardíaco e acabei bem.

Ontem, foi dia de bike!
Fui matar saudades de andar de bicicleta e de apareci no ponto de encontro da Santa Malta, desta vez em Azeitão, pois iam percorrer a Arrábida. Gostei de rever o pessoal, acompanhei-os nos primeiros quilómetros a subir os Picheleiros e depois desejei-lhes boa viagem e regressei, para não empenar.

Ainda assim deu uma voltinha de 28 km. A ver se dou continuação a esta arte...

Hasta

 

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Ementa para hoje... séries à Lasse Viren!

Depois da semana atribulada com a velha amiga rinite, em que me fartei de treinar o "estilo népia", lá recomecei os treinos esta semana.
Corridinha aqui e ali, intervalada com treino de fortalecimento muscular e a coisa vai indo e vai ganhando novo ânimo.
Ainda assim necessitava de algum estímulo e de um bom treino de recomeço! Daqueles de puxar o cabedal!
Lembrei-me de um treino que vi há dias num site estrangeiro, do campeão Lasse Viren. Sim, esse mesmo, o que ganhou em sprint ao Lopes numa final dos 10000 metros em 1976.

E então... um dos treinos que o homem preferia e que me deixou de pulga atrás da orelha, era o seguinte:

3 km jogging
+
3 km em intervalado - 15 x 100 metros a ritmo de prova de 5 kms, descansa 100 metros a trote
+
3 km jogging

Tem um aspecto apetitoso não é? :)
Mais informações sobre as caraterísticas deste tipo de treino: Run Competitor
Eu adaptei-o, reduzindo um pouco as distâncias;)

Hasta



 

terça-feira, 6 de maio de 2014

Percurso da Corrida VW 2014

Boas,

Apesar de faltar algum tempo para esta prova, cerca de um mês e meio, fica aqui este apontamento sobre o percurso da Corrida VW deste ano, que se realiza a 22 de Junho de 2014. É uma das corridas que gosto mais de participar, talvez porque foi a primeira em que participei após este recomeço nas corridas!

O percurso deste ano é maior e tem 12,5 km, mas talvez para compensar esse factor e o calor dessa altura do ano, a organização marcou a prova para as 09h30, e com partida no Castelo de Palmela, pelo que se vai descer na maior parte do percurso! Adivinha-se uma prova rápida!

As inscrições esgotam rápido! ;)






Hasta

 

sexta-feira, 2 de maio de 2014

10ª Milha Urbana de Fernão Ferro - 1 de Maio de 2014

Boas!

Já tinha esta prova debaixo de olho há algum tempo, mas estive sempre com dúvidas sobre a minha participação, principalmente porque seria apenas quatro dias depois de correr uma Meia Maratona.
Aliado a esse aspecto,  correr a milha poderia ser prejudicial por ser uma prova de meio-fundo (1609 metros) e a preparação para o objectivo anterior não ter nada a ver, correndo o risco de lesões musculares... eh pá... mas acabei por ir e também porque no ano passado também me baldei... tinha de ser, era à porta de casa!

Estas provas populares e com espírito associativista e clubista têm outro encanto. O facto de contar para o TAS - Troféu de Atletismo do Seixal, incute um espírito competitivo nos participantes de todos os escalões, que querem pontuar para o clube e dão o máximo pela camisola, porque no final, para o troféu, isso é que conta!
Por essa razão fui cedo e estive por ali deliciado a ver a competição desde os Benjamins aos Veteranos.

Aproximava-se a prova dos Veteranos 1 e 2 e iniciei um aquecimento de 15/20 minutos! Estiquei o esqueleto, fiz três sprints, e apresentei-me na meta! As pernas não estavam grande coisa, sentia-me preso! Não há-de ser nada!

Partida!
O pessoal que quer os pontos lança-se para a dianteira e parecem uns cavalos!
Calma Luis, que isto é só para brincar e participar... olha as lesões!
Mantive-me ali uns metros atrás do primeiro pelotão e por ali fiquei até ao final da prova, embora o pelotão fosse fugindo gradualmente.
O percurso da prova é composto por duas voltas a um quarteirão de ca. 800 metros, perfazendo a milha.
Na última volta já tinha os pulmões a arder, pois esta é uma prova rápida e trabalha o anaeróbio, mas lá me aguentei e passei na meta com 5:43 minutos, sacando 4 segundos à minha anterior marca!

No próximo domingo é a XXII Milha do Seixal e se eu quiser voltar a sentir os pulmões a arder, lá terei que ir, logo se vê como está o trem de rodagem!

Hasta








 

No Natal fui ao baú!

Boas! Um Natal passado na casa dos pais dá nisto... um visita ao acervo fotográfico e uns achados inesperados! No meio dos álbuns de fot...